LyricsChords.net

Pain Of Salvation lyrics, Plains Of Dawn ( tradução ) lyric lyrics - chords - songs - lyric - chord - song - canciones - paroles - lyric of the song Plains Of Dawn ( tradução ) Pain Of Salvation lyrics - chord of the song Plains Of Dawn ( tradução ) Pain Of Salvation lyrics

Utilize o abecedário abaixo para abrir as páginas de letras dos artistas

0-9ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ

Plains Of Dawn ( tradução ) lyrics

     Interaction

    >> All lyrics and chords of "Pain Of Salvation"
    >> See all lyrics of "Entropia"
     Plains Of Dawn ( tradução )
    >> Pain Of Salvation
     
        (Planícies do Amanhecer)

    "Agora estou aqui, ao seu lado" Abrigado do frio, um soldado protege um menino.
    Os relógios estão girando enquanto o tempo passa por sua dor
    (trazendo alívio através do livro em seu colo)
    (continue tentando, continue tentando, continue morrendo por dentro)

    "Silêncio, agora, meu menino, é hora de dizer boa noite.
    Descanse com a minha canção de ninar essa noite
    Eu ainda estarei aqui quando as névoas noturnas se aproximarem"
    (figuras cegas controlam sua vida)
    (continue caindo, continue caindo, continue caindo agora)

    "Tenha fé, meu filho - puxe minha mão e caminharei com você até o sol se pôr.
    Siga-me agora, nos encontraremos novamente na sua terra.
    (tenha fé, meu filho) Agora o levarei para casa".

    A paralisia que se abre, se estendendo pela doença. Eles caminham na névoa da noite.
    "Agora, nos encontramos novamente. Estou tão próximo de você agora. Novamente nós rimos".

    Onde águas vazias tentam chegar a praias místicas desconhecidas
    eles fitam o horizonte e sorriem

    "Veja, meu filho - busque a visão que preenche sua mente, deixe-se levar e corra.
    Siga o caminho que lhe foi designado há muito tempo. (veja, meu filho)
    E cruze as planícies do amanhecer.

    Perguntas sem palavras, confissões com lágrimas.
    Eles finalmente se encontram agora, quando é hora de seguir rumos distintos (páginas que se esvaem)
    Eles se tocaram através de décadas.

    "Lembre-se de mim, meu filho, é hora de dizer... adeus.
    Eu o libertarei de sua prisão - agora vá!
    Agora está livre, a onda chega à praia!"
    (continue correndo, continue correndo, continue correndo, garoto)
    (vencer uma guerra o fez perder todo o resto)

    "Adeus, meu filho - os tubos que o prendiam a uma morte em vida se foram.
    Espere por nós, eu e sua mãe o alegraremos, meu filho.
    Eu choro ao vê-lo correr pelas planícies do amanhecer".

    ... e assim, naquela noite um soldado deixa seu filho mais uma vez
    e uma guerra se perdeu...
    Desesperado ele cambaleia, caindo de joelhos sem esperança.
    Mas o destino não lhe dá opções: agora ele deve fechar o livro!
     
      Print this lyric

    Visualizações mensais: 423

All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics provided for educational purposes only.
Access to the Site does not grant you the right to reproduce, copy or distribute by any means, method or process whatsoever, now known or
hereafter developed, any of the information obtained via the use of The Site, including the song lyrics contained on other sites, including without
limitation, transferring or downloading any Content to a computer hard drive, or otherwise copying any Content onto any other storage medium.
All rights of the copyright owner(s) are expressly reserved. Please contact the copyright owner(s) for further information.